“Quem disse que o PT ia acabar quebrou a cara”, afirma Moisés Braz em Santa Quitéria

63

O deputado estadual e presidente do PT Ceará, Moisés Braz, participou na manhã desta sexta, 15, do Seminário Sindicalismo e Políticas Públicas, promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (STRAAF) de Santa Quitéria.

Moisés destacou a necessidade de se discutir a importância do PT na vida do povo. “Aqueles que diziam que o PT iria se acabar com o golpe contra a Dilma e até com a prisão do Lula quebraram a cara. O PT é o partido de maior preferência no Ceará. Ao todo, 25% de das pessoas dizem que vão votar em candidatos do PT na próxima eleição. Nós temos o governo do Estado e uma densidade eleitoral grande, mesmo com todas as dificuldades”, afirmou.

Para Moisés, o PT é o único que ainda representa o povo. “Tanto que nós viemos aqui sempre conversar com vocês. Não temos medo de vir aqui olhar na cara do trabalhador. É o pt que defende os projetos que mudaram a vida do povo”, disse.

Veja o discurso do deputado Moisés Braz:

Moisés declarou ainda que o partido e seus filiados devem ter o compromisso forte de lutar para defender a liberdade e a candidatura de Lula à presidência, e depois garantir a reeleição de Camilo Santana. “Nossa prioridade é que ele continue fazendo políticas públicas. Para se ter ideia na quantidade de recursos, só de cisternas a SDA aplicou R$ 3,1 milhões em Santa Quitéria, além de R$ 1,7 milhão em poços profundos e mais R$ 4,6 milhões em projetos de abastecimento de água. Qual governador fez mais que o Camilo para o meio rural? Por isso temos de estar firmes e trabalhar pela reeleição dele. Ele é parte do projeto do PT, e tem de estar ao nosso lado”.

Para o presidente do PT Ceará, é preciso que a população separe o joio do trigo, “quem entra na política para se dar bem de quem entra na política para fazer o bem. Por isso é importante saber quem defende os projetos que beneficiam os trabalhadores”.

Participaram da plenária Homero Novaes, presidente do PT de Santa Quitéria, Antônio Ferreira Duarte Júnior, presidente do STRAAF, os assessor jurídico do sindicato, Dr. Laercio, Dani Braga Tavares da Ematerce, Sergio de Almeida, técnico do Idef e Eduardo Timbó, coordenador da ONG Cactus.