Moisés Braz defende liberação do garantia safra para municípios do Ceará em situação de emergência

56

Em pronunciamento na sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (25/10), o deputado estadual Moisés Braz (PT) defendeu a liberação do Garantia Safra pelo Governo Federal para os 50 municípios cearenses que tiveram a situação de emergência decretada pelo governador Camilo Santana (PT) por conta da estiagem. O parlamentar lamentou a demora, tendo em vista que até agora os trabalhadores de apenas 13 cidades começaram a receber o benefício relativo a perdas de safras do ano passado.

Para o Moisés, o problema reflete a falta de compromisso do Governo Federal com o estado do Ceará e com os agricultores. “Falta de compromisso do governo federal em acompanhar e identificar os municípios que têm direito a esse benefício. Lamento profundamente que a grande maioria dos municípios não tenham sido autorizados a recebê-lo, mas acredito que, com a mobilização, vamos conseguir”, declarou.

O petista lembrou que o programa Garantia Safra tem possibilitado às famílias que dependem do que plantam uma grande ajuda nesses anos consecutivos de seca. De acordo com ele, 350 mil pessoas foram inscritas no programa, dessas, 225 mil estão aptas a receber o benefício, por terem atestado da perda de 50% ou mais da safra e pelo pagamento regular de seus boletos.

O deputado pediu ainda que a população cearense acompanhasse, na noite desta quarta-feira (25/10), a votação na Câmara dos Deputados que recomenda o arquivamento da denúncia de formação criminosa e de obstrução da Justiça contra o presidente Michel Temer e os ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco. “É bom que nosso povo acompanhe esse momento e veja a posição dos nossos 22 parlamentares cearenses”, recomendou.

> Confira o pronunciamento: