Previdência: Moisés Braz mobiliza trabalhadores contra reforma

Nenhum comentário

O deputado estadual Moisés Braz (PT) cumpriu sexta (31/03) e sábado (01/04) uma agenda de audiências públicas em quatro municípios das regiões Norte, Litoral Oeste e Ibiapaba para debater a proposta de Reforma da Previdência (PEC 287) do Governo Temer.

Ubajara

IMG_9268

Na sexta, pela manhã, ao lado do deputado Renato Roseno (PSol), Moisés participou de caminhada e audiência pública na Câmara de Ubajara. Os atos foram puxados pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ubajara (Sindsepu) e Sindicato dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (Straaf).

Tianguá

IMG_9323

Após deixar Ubajara, na Câmara Municipal de Tianguá, o deputado estadual Moisés Braz (PT) convocou os trabalhadores a pressionar os parlamentares da bancada federal cearense para votar contra a PEC 287 que retira direitos previdenciários dos trabalhadores brasileiros.

Requerida pelo vereador Netinho Aragão (PT), a audiência lotou o plenário do parlamento municipal e contou com a participação de todos os outros vereadores, além dos sindicatos de servidores municipais, de trabalhadores rurais e de outras categorias do serviço público.

IMG_9352

O ex-presidente da Câmara e presidente do PT de Tianguá, Haroldo Aragão, também esteve presente. “Os trabalhadores têm de verificar quem foram os deputados mais votados em Tianguá, e ligar para os gabinetes deles, passar e-mail, mensagem no WhatsApp e pressionar. É preciso que a classe trabalhadora esteja unida, articulada e mobilizada para evitar que essa reforma passe. Essa luta não pode ser partidarizada, mas o debate tem de ser politizado para que esse governo não destrua tudo aquilo que o povo brasileiro conseguiu com tanta dificuldade”, afirmou.

Alcântaras

IMG_9400

Nem a forte chuva que caiu na tarde de sexta, 31 de março, sobre a cidade de Alcântaras, na zona Norte do Estado, foi suficiente para desmobilizar os trabalhadores rurais e urbanos a participar da audiência pública da Câmara Municipal para discutir os impactos da reforma da Previdência. O debate contou com a participação do deputado estadual Moisés Braz (PT).

A audiência ocorreu no ginásio municipal do Centro da cidade e contou com a participação do vice-prefeito Joaquim Benício Filho, do suplente de vereador Antônio Costa (PT), de vereadores além de outras autoridades locais. Em seu discurso, Moisés Braz alertou os trabalhadores para o desmonte dos direitos trabalhistas e previdenciários que vem sendo patrocinado pelo governo Temer através de propostas como a da Terceirização, já aprovada e sancionada, da Reforma da Previdência e da Reforma Trabalhista, além dos riscos da Reforma Política que está sendo gestada no Congresso.

IMG_9508

“Ou nós, trabalhadores, nos unificamos e nos mobilizamos para lutar contra essas propostas e pressionamos os parlamentares da bancada federal votados inclusive neste município, ou vamos assistir a um governo ilegítimo e irresponsável acabar com tudo o que conquistamos com tanta luta e suor”, afirmou o parlamentar.

Jijoca: “Não podemos permitir que essa perversidade seja aprovada”, afirma Moisés Braz sobre Reforma da Previdência

IMG_9659 (Copy)

No dia seguinte (1º de abril) Moisés Braz (PT) participou, na Câmara Municipal de Jijoca de Jericoacoara, de mais uma audiência pública para discutir a Reforma da Previdência. A convite da vice-prefeita Natalícia de Souza, Moisés explicou aos trabalhadores presentes os principais pontos do texto durante a audiência, que atendeu a requerimento do vereador Jair Silva. “Nosso papel é conscientizar os trabalhadores para não permitir que essa perversidade, essa maldade seja aprovada e prejudique o conjunto da sociedade brasileira, revertendo conquistas históricas obtidas com a Constituição Federal de 1988”, afirmou o parlamentar.

IMG_9595 (Copy)

Além dos trabalhadores rurais, estiveram presentes à audiência o presidente da Câmara Arnaldo Dias, o vereadores Normendio Carvalho, Cleângela Oliveira e Claudionor Vasconcelos, além do secretário de Agricultura José Calixto, a presidente do sindicato de trabalhadores rurais Elisângela Ribeiro e o diretor José Nunes, o secretário de Transportes Valdimar Moura, o professor José Osmar Fonteles e o presidente do sindicato do Comércio Hoteleiro, Francisco Castro. O ex-deputado estadual e professor Antônio Carlos também participou do debate, quando representou os mandatos da deputada Luizianne Lins (PT) e do deputado Elmano Freitas (PT).

, , , , , , , , , , , , , , ,

Assine nossa Newsletter

Conecte-se

Menu