Artigo: Bolsonaro na contramão do mundo

Nenhum comentário

A estupidez de Bolsonaro parece não ter limites. Não bastassem as declarações lamentáveis e demagógicas que tem dado nos últimos dias, em que politiza a crise do coronavírus de maneira irresponsável, o “presidente” agora quer jogar o prejuízo nas costas do povo.

Depois de editar uma Medida Provisória em que que autorizava a suspensão do contrato de trabalho por até quatro meses, em que o trabalhador deixaria de trabalhar e de receber salário, Bolsonaro recuou covardemente da medida após a repercussão negativa.

Isso mostra o que já sabemos há meses: NÃO TEMOS GOVERNO. O Brasil está indo na contramão das práticas internacionais. Um absurdo! Não temos um Estado de Bem Estar Social em estágio mais avançado como na Europa ou uma sociedade de classe média como nos Estados Unidos. Por isso cabe ao governo garantir e estabelecer, no mínimo, um programa emergencial de renda mínima para as pessoas não morrerem de fome. Nós temos um trilhão no orçamento da União para pagar à bancos e financeiras. Basta!

Só para Bolsonaro ficar sabendo: Estados Unidos e países da Europa estão adotando medidas para bancar trabalhadores que terão que ficar em casa, sem trabalhar. Donald Trump disse que planeja pagar US$ 1.000 diretamente aos cidadãos do país.

O Reino Unido vai estender o pagamento da licença médica a trabalhadores que não estiverem doentes, mas que tiverem de se isolar em quarentena, e facilitou o acesso a benefícios sociais para pessoas de baixa renda ou trabalhadores autônomos, além de apoio econômico para pequenas empresas.

Portugal determinou que os trabalhadores que precisarem ficar em casa para cuidar de filhos menores de 12 anos vão receber dois terços do salário, e um terço será pago pelo governo. Autônomos vão receber do governo uma ajuda financeira para enfrentar a queda na atividade econômica.

França e Espanha estenderam a licença médica para trabalhadores que não estejam doentes, mas estejam em quarentena por recomendação das autoridades.

Só Bolsonaro, como sempre, vai na contramão do bom senso.

Moisés Braz – Deputado estadual (PT-CE)

, ,

Assine nossa Newsletter

Conecte-se

Menu