Agricultura familiar ganha incentivo para irrigação em cinco territórios

Nenhum comentário

O Governo do Estado do Ceará, através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário, em parceria da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), desenvolvem o projeto de Formação de Pastagem para Reserva Alimentar e Convivência com o Semi-árido. O objetivo é contribuir para fortalecer a pecuária do Estado do Ceará, tornando-a sustentável, competitiva e rentável, por intermédio da disponibilização de tecnologias para implantação de áreas de reserva alimentar estratégica e de equipamentos para sua produção, transformação e armazenamento.

Sua abrangência está em cinco territórios do Estado do Ceará (Cariri, Centro Sul, Sertão Central, Vale do Jaguaribe e Sertão do Inhamuns / Crateús), beneficiando 800 famílias em 61 associações de 36 municípios por meio da implantação de 110 sistemas de irrigação, sendo 60 sistemas por aspersão para o plantio de sorgo e 50 sistemas por gotejamento para o plantio de palma forrageira de variedades resistentes a cochonilha do carmin e a aquisição de cinco enfardadeiras, cinco segadeiras, cinco colhedeiras e seis fatiadeiras de palma para da suporte ao armazenamento de forragens como reserva estratégica de alimento para o rebanho.

O projeto colabora para a política governamental de fortalecimento da agricultura familiar com a parceria da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Ceará (Ematerce) e do Instituto Agropolos do Ceará e encontra-se em vigência até dezembro de 2016.

Fonte: Governo do Ceará

, , ,

Assine nossa Newsletter

Conecte-se

Menu